Título: Os periódicos de arquitetura e a formação da arquitetura moderna brasileira: tecnologia e habitação econômica (anos 1920 e 1930)

Autor: Maristela Siolari da Silva

Orientador: Nabil Georges Bonduki

Categoria: Tese

Palavras-chave: Arquitetura moderna, Desenvolvimento tecnológico, Habitação econômica, Periódicos de arquitetura.

Resumo: Neste trabalho pretendeu-se identificar nos discursos arquitetônicos dos periódicos de Arquitetura publicados no Rio de Janeiro e em São Paulo, entre 1920 e 1940, a presença de um pensamento tecnológico relacionado aos processos construtivos, ao estudo dos materiais, à recepção das concepções modernas, à problematização da habitação econômica, às possibilidades de uma arquitetura nacional e à propugnação das novas possibilidades construtivas, articuladas a um contexto propício à conformação da arquitetura moderna brasileira. Verificou-se que houve desenvolvimento tecnológico e introdução de indústrias de materiais de construção nacionais e que a consolidação da arquitetura moderna brasileira ocorreu de forma paralela, articulada, mas não dependente, ora se apropriando dos recursos tecnológicos já disponíveis, ora demandando novas soluções que respondessem às preocupações de linguagem, ora também operando no interior das dificuldades técnico-construtivas e, apesar destas, sendo realizada. Nesse processo, a questão habitacional se manteve à margem dos debates presentes nos periódicos do período, não conformando um novo programa vinculado ao novo estatuto da nova arquitetura.

Origem: Universidade de São Paulo (USP) Biblioteca digital de Teses e Dissertações

Acesso pela nossa equipe em: 10/03/2010

Anúncios