Título: A contribuição do patrimônio cultural na qualidade visual da paisagem urbana

Autora: Mirian Sartori Rodrigues

Orientador: Maria Cristina Dias Lay

Categoria: Dissertação

Palavras-chave: Centro histórico: Piratini (RS); Centro histórico: Porto Alegre (RS); Centro histórico: São José do Norte (RS); Estética urbana; Paisagem urbana; Patrimônio histórico; Percepção ambiental; Percepção visual

Resumo: Esta pesquisa investigou a contribuição que o patrimônio cultural edificado exerce na qualidade visual da paisagem urbana a partir da abordagem na área da Percepção Ambiental. Adotou como estudo de caso áreas dos centros históricos de três cidades com diferentes graus de preservação do patrimônio cultural edificado: Piratini, a mais preservada, resultado de legislação urbanística pioneira; São José do Norte, onde o patrimônio cultural edificado foi mais destruído ou descaracterizado e Porto Alegre, onde o patrimônio cultural edificado foi parcialmente preservado. A investigação foi operacionalizada por meio da utilização de métodos qualitativos e quantitativos em duas etapas de investigação. A primeira teve por objetivo reunir subsídios para definir a área de estudo em cada uma das três cidades, e por meio da aplicação da técnica de mapas mentais a usuários dos centros históricos, foram identificadas as imagens fortes positivas e negativas das edificações e espaços urbanos (locais, ruas e praças). A segunda etapa teve como objetivo principal testar as hipóteses desta pesquisa por meio da aplicação de questionários acompanhados de cenas urbanas com diferentes níveis de homogeneidade, escolhidas a partir de critérios estabelecidos a fim de responder os objetivos da investigação. As informações obtidas pelos questionários foram analisadas quantitativamente por meio de freqüências e testes não paramétricos tais como tabulações cruzadas e testes de correlação Spearman. Os resultados obtidos permitiram chegar a conclusões sobre o importante papel que o patrimônio cultural edificado exerce na qualidade visual da paisagem urbana. Esta relevância foi verificada na avaliação da aparência visual das edificações analisadas individualmente pelos seus atributos formais e simbólicos e as suas relações no contexto urbano. Importantes correlações foram encontradas entre a avaliação estética da aparência visual das cenas urbanas e atributos formais de volumetria, fachadas e coberturas. As conclusões desta pesquisa reúnem subsídios relativos às questões da estética urbana, do patrimônio cultural edificado e do planejamento urbano que podem contribuir substancialmente para as políticas públicas nas áreas da preservação do patrimônio cultural, do planejamento urbano e ambiental e na implementação de planos e ações de gestão municipal visando qualificar visualmente a paisagem urbana.

Origem: Portal UFRGS – Repositório Digital LUME

Acesso pela nossa equipe em: 25 de out. de 2010.

Anúncios