Título: Affonso Hebert: ecletismo republicano no Rio Grande do Sul

Autora: Samantha Sonza Diefenbach

Orientador: Claudio Calovi Pereira

Categoria: Dissertação.

Palavras-chave: Arquitetos: Biografia; Arquitetura: Rio Grande do Sul; Ecletismo; Hebert, Affonso, 1852-1925.

Resumo: Este estudo investiga a arquitetura produzida pelo poder público do Rio Grande do Sul durante os primeiros anos da República em Porto Alegre, através das obras do arquiteto Affonso Hebert. Com formação na Europa, Hebert ingressou na Secretaria de Obras Públicas como desenhista, ainda durante o Império, e teve a oportunidade de chefiar a Diretoria de Obras Públicas do Estado sob o comando de diferentes governantes. Neste período, Hebert deu às suas obras uma identidade própria, inspirada na arquitetura eclética européia e principalmente na Paris da Belle Époque. O ponto de partida deste trabalho foi uma revisão bibliográfica cuidadosa, combinada com investigação em arquivos e relatórios sobre as obras produzidas por Hebert durante sua estada na Secretaria de Obras Públicas. Em seguida, foram buscadas, junto aos descendentes do arquiteto, informações sobre sua formação e sobre as possíveis referências utilizadas por ele em seus projetos. Posteriormente, foram feitas análises das obras por ele realizadas, buscando identificar a sua inserção no panorama local e em contextos mais amplos da arquitetura do início da era republicana. O panorama analítico de sua produção visa constituir uma contribuição à tarefa de identificar e interpretar a produção arquitetônica gaúcha nos primórdios do século XX.

Origem: Portal UFRGS – Repositório Digital LUME

Acesso pela nossa equipe em: 29 de out. de 2010.

Anúncios