Título: Arnaldo Gladosch: o edifício e a metrópole

Autor: Anna Paula Moura Canez

Orientador: Fernando Delfino de Freitas Fuao

Categoria: Tese.

Palavras-chave: Arquitetura: Década de 1920: Brasil; Arquitetura: Década de 1930: Brasil; Arquitetura: Década de 1940: Brasil; Crítica arquitetônica; Edificios; Gladosch, Arnaldo, 1903-1954; Plano diretor: Porto Alegre (RS); Urbanismo; Urbanização: Porto Alegre (RS).

Resumo: A presente tese sistematiza e analisa pela primeira vez, em seu conjunto, as proposições e obras arquitetônicas e urbanísticas de Arnaldo Gladosch (1903-1954), arquiteto paulistano formado em 1926, na Technische Hochschule de Dresden, cuja produção concentrou-se, principalmente nos anos 30 e 40, no Rio de Janeiro, São Paulo e Porto Alegre. Além de sua atividade como arquiteto de edifícios, como os que serviram às lojas Mesbla e também do edifício Sulacap de Porto Alegre, destaca- se a sua atuação como urbanista, participante da equipe de Alfred Agache no desenvolvimento do Plano Cidade do Rio de Janeiro – Extensão – Remodelação – Embelezamento, e como autor do Plano Diretor da Cidade de Porto Alegre (que levou seu nome), a convite do prefeito estadonovista Loureiro da Silva em 1938. A escolha por Gladosch partiu de indagações a respeito do seu modo de fazer arquitetura e cidade, considerando a circulação de concepções urbanísticas e arquitetônicas internacionais no Brasil mediante a educação formal de brasileiros no exterior. As suas idéias e realizações fazem parte de um quadro mais amplo das práticas urbanísticas e arquitetônicas cujo reconhecimento se desdobra na ampliação do saber acerca da ordenação urbana num período fundamental na consolidação das grandes cidades brasileiras e na distinção de uma outra arquitetura quase ausente na nossa historiografia. Que lições a respeito do manejo projetual e relações com a cidade Arnaldo Gladosch nos legou? Procurou-se responder à pergunta utilizandose, principalmente, da análise, interpretação e crítica das obras in loco e em fonte documental e iconográfica primária revelando uma arquitetura de ofício e técnica exemplares, que ainda perdura e marca a fisionomia da metrópole da qual é parte inseparável.

Origem: Portal UFRGS – Repositório Digital LUME

Acesso pela nossa equipe em: 07 de out. de 2010.

Anúncios