Título: As faces e fases do Mosteiro de São Bento: arquitetura da Igreja Basílica de São Sebastião de Salvador

Autores: Marcelo de Souza Pires

Orientador: Profa. Esterzilda Berenstein de Azevedo

Categoria: Dissertação.

Palavras-chave: Não disponivel.

Resumo: A ordem beneditina tem seu marco na historiografia do Brasil. Ao se instalarem, no primeiro momento, na cidade do Salvador, passam a compor as manifestações artísticas, inclusive no que se refere aos aspectos dos conjuntos arquitetônicos da cidade. Este trabalho avalia a arquitetura desenvolvida na história dos beneditinos em Salvador, em particular da igreja existente no Mosteiro de São Bento da Bahia. Com isso, enfoca-se a arquitetura, através da história de eventos que se inserem no conjunto da construção do cenóbio beneditino. Ao longo de mais de quatro séculos, e entre outras representações artísticas, culturais e sociais desenvolvidas pelos beneditinos em Salvador, a arquitetura concebida junto à igreja de São Sebastião expressa a vida monástica da congregação. A abordagem desta dissertação será dada às questões arquitetônicas envolvidas na viabilização da igreja basílica da Ordem Beneditina em Salvador, desde o seu estabelecimento, em 1582, até as obras realizadas nos primeiros anos de século XX. Ainda para que haja uma integração dos elementos que compõem o ambiente físico e as aspirações espirituais, apresentar-se-á o espaço religioso, no que se relaciona ao ambiente, ligando suas respectivas funções ao seu contexto simbólico. Também o espaço físico, relacionado com os seus respectivos significados e preceitos da arquitetura, será exposto, no intuito de se desenvolver maior entendimento do tema.

Origem: Portal PPGAU/ FAUFBA

Acesso pela nossa equipe em: 26 de nov. de 2010.

Anúncios