Título: Hermenêutica do restauro: uma leitura heideggeriana como restauração da questão esquecida

Autores: Dante Augusto Galeffi

Orientador: Odete Dourado Silva

Categoria: Dissertação

Palavras-chave: Não disponivel.

Resumo: Esta investigação discute o restauro à luz da hermenêutica fundamental ou ontologia da pre-sença de Heidegger. Partindo de um caminho fenomenológico radical, procura-se pensar a própria “coisa” do pensamento. Abre-se, com essa atitude de pensamento radical, a possibilidade de “fundação” de uma hermenêutica do restauro. O restauro é avaliado na perspectiva do “ser-ai”, mostrando-se como termo apropriado para exprimir o “ser da pre-sença” e “restauro” nos é assinalada pela “alegoria da cura” com que Heidegger vai apresentar a síntese “ôntico-ontológica do ser da pre-sença”. Na “de-monstração” dessa copertinência, apresenta-se a “alegoria” do restauro como síntese compreensiva da “restauração da questão esquecida”. O restauro se torna fundamental. Na abertura da hermenêutica do restauro, abre-se um campo de possibilidades em que  o ser humano re-encontra a sua corresponsabilidade à luz do Ser, ou seja, a sua “liberdade”. O restauro é, então, o restauro do Ser: o caminho da “cura” como “caminho do campo”.

Origem: Portal PPGAU/ FAUFBA

Acesso pela nossa equipe em: 25 de nov. de 2010.

Anúncios