Título: O “Ecletismo” dos gradis modernos de Salvador

Autores: Najla Jorge Lucresia de S. Ribeiro

Orientador: Mário Mendonça de Oliveira

Categoria: Dissertação

Palavras-chave: Não disponivel.

Resumo: Este texto traz uma abordagem sobre a presença do gradil de ferro na Cidade do Salvador mostrando como esse elemento pode ser testemunho de mudanças sociais. O projeto investiga como eles se modificaram ao longo dos anos, na segunda metade do século XX, através de desenhos, formas e técnicas. A proposta da pesquisa foi construída a partir da análise de dados fotográficos coletados em alguns bairros de Salvador e embasada em um suporte teórico e bibliográfico, visando a objetivar uma classificação dos dados, a análise e compreensão da sua relação de evolução dentro do contexto histórico, econômico e social. Demonstra-se que, até o início do século XX, a influência dos modelos ingleses se tornou marcante, mas, ao longo do século passado e início deste, o ferro articulado com inovações tecnológicas possibilitou a criação de novos padrões. Dentro do cenário da modernidade, os gradis se modificam e, atualmente, diante da paranoia, do medo e do grande crescimento da violência nas grandes cidades, os gradis e portões se fazem cada vez mais presentes como elementos delimitadores do espaço público e privado. Atualmente, alguns são produzidos como obras de arte dentro do contexto urbano. Mostra-se como os seus desenhos adquirem, cada vez mais, identidade e simbolismo, com design e funções diferenciadas, criando-se elementos ligados à natureza, como animais, plantas ou até mesmo símbolos específicos relacionados a instituições ou à cultura religiosa.

Origem: Portal PPGAU/ FAUFBA

Acesso pela nossa equipe em: 30 de nov. de 2010.

Anúncios