Título: (Re) Descobriram o Ceará? Representações do sertão do Ceará: entre areal e patrimônio nacional

Autores: José Clewton do Nascimento

Orientador: Ana Maria Fernandes

Categoria: Tese

Palavras-chave: Não disponivel.

Resumo: Este trabalho constitui-se numa reflexão teórico-metodológica sobre algumas representações constituídas da realidade apresentada pelas cidades cearenses, de onde podemos também derivar formas de ação sobre essas cidades. Nesta reflexão, fixamos o olhar na construção das representações criadas sobre o Nordeste e sobre as cidades-patrimônio no Ceará. Guiados pelo referencial teórico apresentado por Henri Lefebvre – notadamente emA Produção do Espaço (1974), em que o autor explicita e estabelece uma relação dialógica entre as representações do espaço constituídas, a partir do espaço concebido (abstrato) e o espaço vivido (diferencial) –, refletimos sobre os caminhos de entendimento dosa priori conceituais e dos desdobramentos reais referentes às políticas públicas de várias escalas e tempos, pensadas e implementadas no âmbito das políticas de planejamento urbano territorial e de preservação, no estado do Ceará. Apresentamos como objeto de análise as intervenções realizadas nas cidades-patrimônio de Icó e de Sobral, pautadas na lógica estabelecida pelo modelo de gestão urbana empresarial, em que se busca transformar os referidos sítios históricos em atrativos. Buscamos, em nossa análise, evidenciar as aproximações e distanciamentos observados entre as representações constituídas pelas instâncias que regem as transformações urbanas, no âmbito do concebido, bem como as confrontações entre tais representações e as lógicas apresentadas pelo espaço vivido, definidas pelas ressignificações feitas ao espaço transformado, a partir das práticas sociais estabelecidas. A metodologia utilizada constitui-se na articulação entre os conhecimentos prévios e a pesquisa documental, adquiridos sobre os espaços objetos de análise (experiência cognitiva) e a prática da observação apreendida sobre esses objetos na instância da vida cotidiana (experiência sensorial), manifestada no corpo da Tese através de relatos, desenhos e vídeo realizados sobre os percursos estabelecidos nas cidades objetos de estudo. Os resultados das análises obtidas na tese nos apontam para a necessidade de se entender que o “resultado final” do processo de implementação dos projetos urbanos nas referidas cidades, largamente difundido como “ação de sucesso”, deverá, na verdade, abrir possibilidade de um recomeço, definido pelas ressignificações atribuídas ao espaço requalificado a partir das práticas sociais estabelecidas pelo espaço vivido.

Origem: Portal PPGAU/ FAUFBA

Acesso pela nossa equipe em: 25 de nov. de 2010.

Anúncios