Título: Metodologia para determinação da integridade da Madeira de Edificações Históricas por Meio de Pulsos Ultra-Sônicos

Autores: Amanda Rocha Teixeira

Orientador: Professor Edgar V. Mantilla Carrasco

Categoria: Dissertação

Palavras-chave: ensaios não-destrutivos; integridade da madeira; ultra-som; insetos xilófagos; estruturas históricas de madeira.

Resumo: Atualmente, há uma maior conscientização, por parte da sociedade, da importância das construções históricas, pois o patrimônio arquitetônico é um símbolo marcante na identidade nacional. Esta preocupação reflete na manutenção deste patrimônio e faz com que cada vez mais profissionais busquem técnicas melhores para inspecionar as edificações. Dessa forma, a constante inspeção torna-se vital para a manutenção da construção histórica. Os ensaios não-destrutivos (ENDs) são os mais indicados para essa inspeção, pois não proporcionam qualquer interferência na arquitetura do elemento estrutural, mantendo, assim, a integridade e a originalidade da obra. Entre os diversos ENDs existentes, uma das opções mais difundidas e promissoras é a técnica do ultrasom. O objetivo deste trabalho foi desenvolver uma metodologia para inspeção de elementos estruturais de madeira atacados por insetos xilófagos, utilizando pulsos ultrasônicos. Esta metodologia foi aplicada em três elementos estruturais (três ensaios), com a finalidade de se encontrar possíveis deteriorações. Os Ensaios 1 e 2 foram realizados por meio da transmissão direta dos pulsos, ao passo que no Ensaio 3 a análise das peças ocorreu de forma indireta. Com os resultados no Ensaio 1, foi possível mapear no plano, por meio de isocromáticas, as áreas degradadas de uma viga de madeira laminada colada. Os resultados do Ensaio 2, realizado in locu em uma estrutura histórica de madeira, auxiliaram na incrementação da metodologia que se mostrou insatisfatória para a peça extremamente deteriorada em ocasião das retrações ocorridas ao longo do tempo. O Ensaio 3, também realizado em um antigo elemento estrutural, foi dividido em duas partes: ensaio com transdutores de freqüência de 500 kHz e ensaio com transdutores de freqüência de 150 kHz. A metodologia proposta permite encontrar deteriorações internas, em estruturas históricas de madeira, com um alto grau de confiabilidade. Este estudo possibilitará uma avaliação mais precisa e confiável de peças de madeira em estruturas históricas, evitando a troca desnecessária de elementos estruturais sadios supostamente deteriorados ou mesmo, a manutenção de elementos extremamente deteriorados da estrutura, que poderiam comprometer, sensivelmente, a estabilidade global da construção.

Origem: Biblioteca Digital UFMG

Acesso pela nossa equipe em: 04 de out. de 2010.

Anúncios